Pintura Artesanal em Vitral

Pintura em vitral

A pintura em vitral é um tipo de trabalho artesanal bem secular que  era utilizado principalmente em igrejas e catedrais. Com o passar dos anos, este tipo de pintura começou a fazer parte da decoração de algumas lares, como decoração de  janelas ou paredes de vidro,  nas quais eram feitas figuras de plantas, flores, paisagens e etc...
Mas a alguns anos, este tipo de arte se transformou em artesanato, tornando-se  mais popular e sendo utilizada esta mesma técnica, mas de uma maneira mais moderna, em abajur, jarros, quadros e etc... Para que fosse usada esta técnica nestas peças tão diversas, foi popularizada com tintas que podem ser compradas em lojas de artesanato. Estas tintas são chamadas de : "Verniz Vitral".
Á base de solvente. As 25 cores do esmalte vitral (6 metálicas) são transparentes e brilhantes e apresentam ótima cobertura. Todas as cores são miscíveis entre si. Aplica-se com pincel de pelos suaves curtos ou redondos, espalhando ou gotejando sobre as peças limpas e desengorduradas. São auto-nivelantes. Deixar secar completamente por 24 horas, indicadas para vidro, porcelanas e faianças, pode-se imitar o efeito de vitrais trabalhando com a Pasta Relevo Vitral. Para fins exclusivamente decorativos. Também pintam metal, madeira, papel vegetal, papelão, cerâmica, gesso ou acetato e pode ser usado como verniz de acabamento. Não resistentes a lavagens agressivas com produtos químicos domésticos e longa exposição ao tempo.
-->

Os materiais necessários para se fazer uma pintura artesanal de vitral são:
  •  Vidro liso ou martelado 
  •  Verniz para vidro, coloridos e incolor
  •  Pasta de chumbo para contorno, preta ou cinza
  •  Pincéis finos, nº: 1, 2 e 3
  •  Diluente para vernizes (para limpar os pincéis)
  •  Papel para desenho
  •  Filtro de papel 











Quando se utiliza pasta de contorno nas pinturas em vidro convém incluir na lista de materiais a utilizar papel para limpar as sobras do bico das bisnagas. Dica: O papel mais utilizado para este efeito são filtros de café (abertos ao meio e cortados em pedaços menores) porque não são caros, são extremamente absorventes, duram muito tempo e não atraem o pó como ocorre, por exemplo, com o papel de cozinha.


Vídeo do youtube da artesã Sandra Pena